Já visando 2024, a direção do Grêmio iniciou a análise de nomes para reforçar o elenco comandado pelo técnico Renato Portaluppi. Um dos jogadores que está no radar gremista é o meia Éverton Ribeiro, de 34 anos e que está em fim de contrato com o Flamengo, ainda sem acordo por uma ampliação do vínculo.

Com isso, surgem interessados em sua contratação no futebol brasileiro e também no exterior. E diante desta possibilidade, o staff do jogador analisa todos os cenários para definir seu futuro, tendo em vista que está em um estágio final de carreira e diversos fatores se tornam importantes para tomar a decisão final.

As condições de Éverton Ribeiro para trocar de clube em 2024

Preferência por atuar fora de Brasil

É importante dizer que a grande prioridade do jogador segue sendo a renovação de contrato com o Flamengo. A chegada de Tite ao comando técnico do rubro-negro pode facilitar a permanência no Rio de Janeiro, mesmo com o desejo de renovação significativa do elenco por parte da direção flamenguista.

Entretanto, existe a preferência do atleta para, caso a renovação de contrato não seja sacramentada, atuar no exterior. Clubes do futebol norte-americano realizaram sondagens e podem apresentar propostas oficiais nas próximas semanas. O mercado árabe também é um cenário admitido pelo staff.

Entretanto, não existe restrição sobre permanecer no Brasil, desde que propostas do exterior não sejam satisfatórias.

No Brasil, Grêmio, São Paulo, Fluminense e Corinthians realizaram sondagens para saber das condições em uma eventual negociação.

Éverton Ribeiro ainda não renovou contrato com o Flamengo. (Foto: Gilvan de Souza / Flamengo)
Éverton Ribeiro ainda não renovou contrato com o Flamengo. (Foto: Gilvan de Souza / Flamengo)

Projeto esportivo de pelo menos 2 anos

Outro ponto importante está no tempo de contrato sobre o novo vínculo assinado por Éverton Ribeiro. A exigência de propostas de pelo menos 2 anos está sendo repassada aos clubes interessados, tendo em vista dar maior estabilidade ao jogador neste momento da carreira.

Por ser um atleta valorizado no mercado brasileiro, existe o entendimento de que isto não será um problema em nenhum cenário, até mesmo em uma eventual renovação com o Flamengo.

Além disso, existe também o desejo de manutenção do patamar salarial atual, que é de aproximadamente R$1 milhão mensais. Dentre os interessados, o São Paulo foi o clube que sinalizou com valor mais próximo ao recebido atualmente, mas ainda não apresentou proposta oficial.

(Foto: Marcelo Cortes / Flamengo / Divulgação)
(Foto: Marcelo Cortes / Flamengo / Divulgação)

Por ser um jogador livre no mercado, o clube interessado também terá que arcar com o pagamento de luvas, que geralmente são diluídas no salário.

Nesta temporada, Éverton Ribeiro disputou 52 jogos, com 2 gols marcados e 5 assistências computadas. O meia defende o Flamengo desde 2017, tendo 381 partidas e 44 gols. Pelo rubro-negro, foi campeão do Campeonato Carioca em 2019, 2020 e 2021, além da Copa do Brasil de 2022, da Supercopa do Brasil de 2020 e 2021, do Campeonato Brasileiro em 2019 e 2020, além da Libertadores de 2019 e 2022 e a Recopa Sul-Americana em 2020.