Vivendo sua pior temporada pelo Grêmio, Ferreira será mais uma vez desfalque para o técnico Roger Machado. Com apenas 15 jogos na temporada e 1 gol marcado, o atacante mais uma vez está sob cuidados do departamento médico do tricolor e pode inclusive não atuar mais nesta temporada.

Ferreira atuou por 63 minutos diante do Cruzeiro no último domingo (21). O jogador saiu de campo acusando dores musculares e teve de realizar exames de imagem na última segunda-feira (22), que confirmaram uma distensão muscular de grau 2 no músculo posterior da coxa esquerda.

Oficialmente, o Grêmio divulgou que Ferreira será avaliado semanalmente e já está entregue à fisioterapia. Internamente, a avaliação é de que sua recuperação deve ser de pelo menos 30 dias, se não houver regressão do quadro. O período estimado de parada é semelhante ao de sua lesão anterior, quando o jogador teve diagnosticada lesão grau 1 no mesmo local.

Ferreira será novamente ausência no Grêmio. (Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA)
Ferreira será novamente ausência no Grêmio. (Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA)

Ferreira pode voltar a atuar apenas em 2023 pelo Grêmio

Se o prazo inicial do Grêmio for cumprido, Ferreira pode voltar ao time do Grêmio apenas na 31ª rodada. O jogo contra o Sport, em casa, no dia 20 de setembro, seria a "data planejada" para o seu retorno. Entretanto, caso o tempo de recuperação seja maior do que o esperado, o atacante pode cumprir apenas as últimas rodadas da série B.

O exemplo preocupante no caso de Ferreira é o zagueiro Kannemann. Fora dos gramados desde julho por uma lesão na panturrilha, o defensor teve um atraso na sua recuperação devido a um acidente doméstico. A tendência é que retorne em cerca de 10 dias.

Sem Ferreira, o Grêmio deve ter Guilherme como titular na partida diante do Ituano nesta sexta-feira (26), às 19h, em casa, pela 26ª rodada da série B. Por outro lado, o zagueiro Geromel está de volta após cumprir suspensão pelo 3º cartão amarelo.