O Grêmio já começou internamente seu planejamento visando a temporada de 2024. E antes de iniciar negociações por reforços, a direção trabalha pela permanência de nomes importantes do time hoje comandado pelo técnico Renato Portaluppi. Um destes atletas é o paraguaio Villasanti.

Aos 26 anos de idade e com contrato até dezembro de 2024, o jogador foi procurado pelo clube para iniciar as conversas pela ampliação do vínculo. Villasanti é considerado um dos pilares do time e já está sendo monitorado por outras equipes, como o Palmeiras, por exemplo. Sendo assim, o objetivo da cúpula gremista é aumentar os vencimentos e o tempo de contrato do camisa 20.

Villasanti recusa primeira oferta de renovação do Grêmio

Após uma primeira rodada de conversas entre o staff de Villasanti e a direção gremista, a proposta foi recusada. O grande entrave neste momento é a questão financeira, já que os representantes do atleta entendem que será necessária uma valorização salarial maior.

Vale lembrar que atualmente, o salário de Villasanti é de aproximadamente R$ 300 mil, sendo bem abaixo dos outros jogadores de maior destaque do elenco, como Luis Suárez, Kannemann, JP Galvão, Geromel e Reinaldo.

Villasanti recusou a primeira oferta de renovação do Grêmio. (Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA)
Villasanti recusou a primeira oferta de renovação do Grêmio. (Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA)

A ideia é colocar Villasanti neste patamar salarial, principalmente pelo seu desempenho apresentado nesta temporada. O atual vínculo do jogador possui uma cláusula de renovação automática por mais um ano se, em 2024, sua presença seja de mais de 60% nos jogos do time.

Nesta temporada, o volante atuou em 38 jogos, com 6 gols marcados. Sua contratação aconteceu em 2021, quando o tricolor pagou cerca de R$ 15 milhões junto ao Cerro Porteño, do Paraguai.