A parte final desta semana será de decisões para o técnico Roger Machado. O comandante gremista tem no duelo diante do Cruzeiro neste domingo (21), a última oportunidade direta de se aproximar do líder e ainda sonhar com o título da série B do Campeonato Brasileiro.

O excelente momento do adversário pode inclusive modificar o sistema tático utilizado pelo tricolor na partida. Isso porque Campaz, principal articulador do time, pode ir para o banco de reservas.

Treinos indicam possibilidade de saída de Campaz

A atividade da última quarta-feira (17), realizada no CT Luiz Carvalho, indicou que existe dúvida sobre quem será a peça central do meio-campo gremista. Nesta alteração, existem 2 alternativas: Janderson ou Bitello.

Janderson e Bitello podem aparecer no time titular do Grêmio, ocupando vaga de Campaz. (Fotos: Lucas Uebel / Grêmio FBPA)
Janderson e Bitello podem aparecer no time titular do Grêmio, ocupando vaga de Campaz. (Fotos: Lucas Uebel / Grêmio FBPA)

Caso Roger opte por Janderson, quem também mudará de posição será Biel. Janderson atuará pelo lado direito do ataque, e Biel atuaria em uma função parecida com Campaz, mas com mais mobilidade e capacidade de recomposição defensiva.

Entretanto, o cenário mais provável em caso de modifiação é a entrada de Bitello e uma consequente mudança de esquema tático. Neste possível 4-1-4-1, Villasanti atuará a frente dos zagueiros, com Lucas Leiva e Bitello ao lado de Biel e Ferreira ou Guilherme atuando próximos a Diego Souza no comando de ataque.

A definição do time deve acontecer no treinamento de sábado (20), que será totalmente fechado à imprensa. Após as atividades, os jogadores relacionados iniciarão a concentração para a partida.