Em busca de um nome de impacto mundial, a direção do Grêmio mapeia o mercado tentando encontrar uma reposição para a saída do uruguaio Luis Suárez. Após semanas de conversas e análises nos bastidores, o clube colocou mais um nome na lista de possibilidades: Trata-se de Michi Batshuayi, de 30 anos, e que atualmente está no Fenerbahçe, da Turquia.

O centroavante belga, com passagens por Borussia Dortmund, Chelsea, Olympique de Marseille e Besiktas, foi alvo de sondagem do tricolor para ser a referência técnica do time na disputa da Copa Libertadores da América. Entretanto, esta é uma operação complicada por diversos fatores.

O salário de Batshuayi e a concorrência do exterior

Batshuayi está no Fenerbahçe desde setembro de 2022, e foi comprado por aproximadamente 3,5 milhões de euros (R$18,7 milhões na cotação atual). O atacante tem salários de 3 milhões de euros (R$16,1 milhões) líquidos por temporada, valor que somado a luvas e impostos sobe para 5,5 milhões de euros (R$29,5 milhões).

Mensalmente, o custo de Batshuayi é de cerca de R$2,4 milhões. Por ter contrato apenas até a metade deste ano, este valor pode ser reduzido caso os interessados ofereçam um patamar salarial menor.

Batshuayi entrou no radar do Grêmio para 2024. (Foto: Divulgação)
Batshuayi entrou no radar do Grêmio para 2024. (Foto: Divulgação)

Por ter se tornado reserva recentemente, sua permanência para a próxima temporada é considerada díficil, mas além do Grêmio, existem outros interessados. De acordo com a imprensa turca, clubes da Arábia Saudita, além de equipes intermediárias de Inglaterra e França podem apresentar ofertas. É importante dizer que o atleta já pode assinar um pré-contrato com qualquer outro clube.

Na atual temporada, Batshuayi disputou 24 jogos, com 13 gols marcados e 3 assistências. Na carreira, tem 446 jogos, com 175 gols e 44 assistências.