O Grêmio, mesmo sem ter a sua situação definida dentro do Campeonato Brasileiro, já começou o seu planejamento visando 2024. Dentro disso está a permanência de atletas que estão emprestados e que possuem vínculo ativo com outros clubes, por conta das cláusulas de opção de compra.

Nesta temporada, o tricolor tem 4 jogadores que estão sob empréstimo: O meia-atacante Everton Galdino, além dos atacantes André Henrique, JP Galvão e Lucas Besozzi. Todos já possuem cláusulas de opção de compra estabelecidas previamente, ou seja, em caso de desempenho acima do esperado, não haverá supervalorização.

Os valores de opção de compra dos jogadores emprestados do Grêmio

Lucas Besozzi

A jovem promessa argentina, de apenas 20 anos de idade, foi uma das contratações do tricolor para a janela de transferências do meio deste ano. Para trazer o jogador por empréstimo junto ao Lanús, o Grêmio pagou 300 mil dólares (R$ 1,5 milhão).

O valor fixado para opção de compra previsto é de 4 milhões de dólares (R$ 20,1 milhões na cotação atual). Seu vínculo provisório com o Grêmio tem duração até julho de 2024.

Lucas Besozzi foi um dos reforços do Grêmio para o 2º semestre. (Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA)
Lucas Besozzi foi um dos reforços do Grêmio para o 2º semestre. (Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA)

JP Galvão

Principal investimento para o 2º semestre, o atacante JP Galvão foi contratado junto ao Fenerbaçhe, da Turquia. Seu empréstimo também é válido até julho de 2024 e seu salário é de aproximadamente R$ 1,1 milhão. A quantia é paga integralmente pelo tricolor.

O valor fixado entre as partes como opção de compra é de 3,5 milhões de euros (R$ 18,6 milhões na cotação atual). Até o momento, JP Galvão tem 9 jogos disputados e ainda não marcou gols.

JP Galvão ainda não desempenhou o esperado com a camisa do Grêmio. (Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA)
JP Galvão ainda não desempenhou o esperado com a camisa do Grêmio. (Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA)

André Henrique

Contratado para ser uma opção ofensiva no início da temporada, o jovem Andrén Henrique, de apenas 21 anos de idade, foi contratado por empréstimo até dezembro deste ano junto ao Hercílio Luz, pequeno clube de Santa Catarina.

O valor de sua opção de compra de seu passe está dividido de duas etapas:

  • Em dezembro deste ano. compra de 40% dos direitos econômicos por 1.2 milhão de euros (R$ 6,3 milhões);
  • Até dezembro de 2024, compra de mais 40% dos direitos econômicos pelo valor de 1.8 milhão de euros (R$ 9,5 milhões).
André Henrique está emprestado pelo Hercílio Luz ao Grêmio. (Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA)
André Henrique está emprestado pelo Hercílio Luz ao Grêmio. (Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA)

Everton Galdino

Outra aposta feita no início da temporada, o meia-atacante Everton Galdino está emprestado pelo Tombense até o fim deste ano. Está entre os atletas mais utilizados por Renato e dentre as contratações de menor investimento, é quem mais agrada a comissão técnica.

O valor de sua opção de compra é mantido em sigilo, mas a quantia é considerada "acessível" para os padrões do clube. Basicamente, será a comissão técnica que decidirá se o atacante permanece ou não para o próximo ano.

Everton Galdino pode permanecer para 2024. (Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA)
Everton Galdino pode permanecer para 2024. (Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA)

Vale lembrar que ainda nesta temporada o clube efetuou a contratação de Vina, também por empréstimo. O meia atuou por cerca de 4 meses no tricolor, mas foi vendido pelo Ceará ao Al-Hazm, da Arábia Saudita pela quantia de R$ 5,7 milhões. O Grêmio ficou com parte do valor como taxa de vitrine.