Na tarde desta terça-feira (05), o Bahia anunciou a ampliação de contrato com o goleiro Adriel. Emprestado pelo Grêmio desde julho de 2023, o jogador terá vínculo com o time de Rogério Ceni até dezembro de 2024.

Sem oportunidades na última temporada, o ex-arqueiro gremista ganhou espaço no grupo do Esquadrão de Aço neste ano. O jogador acumula sete jogos, com quatro vitórias, um empate e duas derrotas, além de sete gols sofridos.

Lucas Uebel / Grêmio FBPA
Lucas Uebel / Grêmio FBPA

Com a camisa do Grêmio, no início de 2023, o goleiro foi escolhido pelo técnico Renato Portaluppi como o titular da posição ao aproveitar oportunidades no Campeonato Gaúcho. No entanto, perdeu espaço nas primeiras rodadas do Campeonato Brasileiro por atos de disciplina.

Antes de sair para o Esquadrão de Aço, Adriel renovou o contrato com o Tricolor até o final de 2025. De acordo com o repórter Darino Sena, da TV Globo, a equipe de Rogério Ceni precisa depositar ao Imortal €3,8 milhões de euros (R$20 milhões na cotação atual) para permanecer com o jogador.

Natural de Ilhéus, na Bahia, Adriel foi formado na base gremista e ganhou a titularidade no time principal do Tricolor em 2023. Ao todo foram 15 partidas disputadas e seis títulos conquistados: Campeonato Gaúcho (2021, 2022 e 2023) e Recopa Gaúcha (2021, 2022 e 2023).

Quais foram os atos de indisciplina de Adriel no Grêmio?

  1. Adriel chegou atrasado aos treinamentos. Grêmio exige a presença dos atletas no CT Luiz Carvalho pelo menos uma hora antes do início das atividades;
  2. Goleiro utilizou seu celular no vestiário, contrariando a proibição imposta pelo Grêmio;
  3. Não permaneceu com o grupo de jogadores nos horários de almoço ou janta;
  4. Entrevista para o Grupo RBS sem aviso prévio ao Grêmio.

Anúncio oficial do Bahia

Divulgação / Bahia
Divulgação / Bahia

O Bahia renovou o contrato do goleiro Adriel até o final de 2024.

O jogador de 23 anos chegou ao Bahia em julho do ano passado por empréstimo junto ao Grêmio até junho de 2024.

Nesta temporada, Adriel atuou sete vezes.

Baiano de Ilhéus, o goleiro estreou no profissional do Grêmio em 2021, já com um título, o da Recopa estadual. Na temporada de 2023, foi destaque na conquista do Gaúcho com defesas decisivas em cobranças de pênalti.