Renato confirmou: A novela envolvendo Luis Suárez e sua permanência no Grêmio acabou. Após semanas de reuniões, conversas e tratativas envolvendo uma possível transferência ao Inter Miami, dos Estados Unidos, ficou definido que o atacante uruguaio ficará no clube, pelo menos até o fim desta temporada.

Entretanto, um movimento importante foi feito no início desta semana. A direção tricolor assinou um documento que prevê a saída do jogador em dezembro, antecipando o fim do contrato que inicialmente vai até o fim de 2024.

Luis Suárez negociou com o Grêmio sua permanência até dezembro. (Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA)
Luis Suárez negociou com o Grêmio sua permanência até dezembro. (Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA)

Os bastidores do acordo entre Grêmio e Suárez

A assinatura em si deste documento não foi considerada uma decisão difícil para a cúpula gremista. Internamente, existe a avaliação de que, pelo fato da primeira proposta apresentada ao jogador pela sua contratação tenha sido de um vínculo por apenas um ano, A avaliação do clube é de que desde o início, todo o projeto montado foi visando ter o atacante por apenas uma temporada.

Por outro lado, o clube abre mão de receber uma compensação financeira pelo atacante. O Inter Miami ofereceu uma proposta, composta de pagamento e parcerias comerciais, como amistosos entre os clubes e presença em torneios nos Estados Unidos. Mesmo sendo uma proposta muito abaixo do desejado pelo Grêmio, essa possibilidade não acontecerá no fim do ano.

Entretanto, a avaliação é que no fim das contas, a vinda de Suárez por um ano confirma êxito dentro e fora de campo. Se dentro das 4 linhas o sucesso esportivo é muito positivo, toda a arrecadação oriunda da imagem e presença do atleta também foi muito importante.

O aumento nas receitas do quadro social, melhora no contrato com patrocinadores e venda de produtos oficiais foram as 3 principais fontes de dinheiro com Suárez. Além disso, soma-se o fato dos salários não serem pagos integralmente, aumentando a margem de lucro do negócio.

Basicamente, o Grêmio entende que, de todos os cenários envolvendo uma saída de Suárez, conseguiu firmar o que é mais adequado para o momento. O que parecia improvável no início da janela, se confirmou: Luis Suárez fica no Grêmio até o fim deste ano.