Contratado em 2023, junto ao Lanús, o meia-atacante argentino, Lucas Besozzi, de 21 anos, já teve o seu destino selado. Com o seu empréstimo encerrando em julho deste ano, o Grêmio já definiu o futuro do jogador.

Imagem: Lucas Uebel/Grêmio
Imagem: Lucas Uebel/Grêmio

Lucas Besozzi deverá deixar o Grêmio em julho

Conforme o jornalista Kaliel Dorneles, o meia-atacante Lucas Besozzi deixará o Grêmio no final do seu contrato em julho de 2023. Para manter o jogador, o tricolor gaúcho teria que pagar R$ 20 milhões.

A direção do Grêmio avaliou o jogador e definiu que ele não correspondeu às expectativas e por essa razão, não será adquirido pelo valor fixado.

Contratado junto ao Central Córdoba, Besozzi gerou grande expectativa nos torcedores. Contudo, o jogador de 21 anos não conseguiu corresponder dentro de campo e acabou amargando o banco de reservas do time comandado por Renato Portaluppi.

O tricolor gaúcho pagou 300 mil dólares (R$ 1,4 milhão) ao Lanús pelo empréstimo do jovem jogador argentino. Se quisesse ficar com o jogador em definitivo após o final do empréstimo, o Grêmio precisaria desembolsar 4 milhões de dólares, ou quase R$ 20 milhões por 70% dos direitos econômicos do atleta. Contudo, isso não ocorrerá e Besozzi retornará para a argentina na metade do ano.

Enquanto isso, Besozzi vai sendo reserva de Renato Portaluppi e entrando em algumas partidas. Inclusive, o jovem deverá ser titular contra o Ypiranga, em Erechim, na próxima quarta-feira (14), pela 8ª rodada do Gauchão 2024. O tricolor gaúcho deverá ser composto de jovens da base e alguns reservas do grupo principal.