As polêmicas e especulações envolvendo o atacante Luis Suárez devem seguir por mais algum tempo. O camisa 9 gremista se tornou desfalque de última hora na partida contra o Bahia, nesta terça-feira (4), pelo jogo de ida das quartas de final da Copa do Brasil.

Suárez deixou o aquecimento mais cedo e seguiu direto para o vestiário. Minutos depois, o Grêmio informou por sua assessoria de imprensa que o jogador ficaria no banco de reservas e de que Vina seria o seu subtituto no comando de ataque.

O grande problema de Suárez são suas dores no joelho direito. Aos 36 anos de idade, o jogador planeja, em curto prazo, se consultar com seu médico particular, que reside em Barcelona, para ter um diagnóstico e debater o futuro de sua carreira profissional. Clube e atleta estão negociando para uma data que seja satisfatória para ambos os lados.

Suárez deixou o aquecimento mais cedo e virou desfalque diante do Bahia. (Foto: Reprodução)
Suárez deixou o aquecimento mais cedo e virou desfalque diante do Bahia. (Foto: Reprodução)

Suárez vira dúvida para o duelo contra o Botafogo

Com isso, existe a dúvida se o camisa 9 tricolor terá condições físicas para enfrentar o Botafogo neste domingo (9), às 18h30, pelo Campeonato Brasileiro. O duelo marca o encontro entre líder e vice-líder da competição e pode definir o rumo do tricolor nos próximos meses.

Suárez está entre os 5 atletas do Grêmio que mais atuaram em minutos nesta temporada. A sequência de jogos, a intensidade e o desgaste são fatores que ajudam a aumentar o quadro de dores e insatisfação física.

Mesmo assim, o uruguaio é o artilheiro do time em 2023, com 16 gols marcados. Vale lembrar também que este é o primeiro jogo do ano em que o atleta fica de fora por algum desconforto ou lesão. Em todas as outras oportunidades, a alegação do clube era de preservação.